Os Livros Lidos em 2018

Olá,

Todo começo de ano eu faço uma lista dos livros que li durante os 12 meses anteriores, para me estimular a atingir a meta pessoal de ler um por mês. Mas nunca consegui. E este ano foi diferente!

2018 foi meu primeiro ano com o kindle e acredito que ele tenha me ajudado muito a ler 15 livros, ou seja, seis a mais do que normalmente leio. Eu que sempre relutei, fui contra, amo papel...me rendi aos livros digitais. É muita facilidade.


Alguns dos livros que li em 2018, e já comecei Ana Karenina. 
Tento equilibrar lendo clássicos e os atuais.

Primeiro de tudo, o leitor digital é leve e pequeno, cabe em qualquer bolsa - muitas vezes eu deixava o livro em casa por ser grande e pesado. Segundo, você pode baixar vários livros e lê-los ao mesmo tempo. Claro que com o livro físico também é possível, mas no meu caso que leio mais quando saio, nas salas de espera, nos transportes públicos, levar dois livros fica impossível. Terceiro, os livros são mais baratos.

Mas nem tudo são flores. Não são todos os livros que quero ler que encontro digitalmente. Os lançamentos tem praticamente o mesmo valor do livro físico. Ou seja, o equilíbrio entre os dois me estimulou a ler mais.

Vamos a lista?

Dez 17 / jan 18 = O ano em que eu disse sim (digital)
Jan / fev = O Século do conforto (físico)
                  A Roda da Cura Pela Ayurveda (físico)
                  Relicário de Afetos (físico)
Fev = Persuasão (digital)
Fev / Mar = Razão e Sensibilidade (digital)
Mar = Enxaqueca só tem quem quer (digital)
Abr / Maio = O Físico (físico)
Jun / Jul = Crime e Castigo (digital)
Jul / ago / set / out = Os Pilares da Terra (digital)
                                  A Ciranda das Mulheres Sábias (físico)
Out / nov = Mulheres em Ebulição (digital)
Nov / dez = Segredos e Destinos (digital)
                    A Sútil Arte de Ligar o Foda-se (digital)
                    Metamorfose (digital)
                    Comecei o Assim falou Zaratustra, mas não terminei (digital).

Como eu não sabia que ganharia um leitor digital, tinha comprado alguns livros físicos para ler no início do ano. No total foram 10 livros digitais e apenas quatro físicos. Me programei para comprar os livros físicos apenas de culinária, artes, artesanato e os demais, digitais. Assim não acumulo muitos, já que espaço está cada vez menor em casa - e eu troco livros nos sebos, vendo, faço doações... mas mesmo assim não consigo liberar as estantes.

Olhando para eles vejo que alguns são pequenos, outros enormes - eu particularmente gosto de livro grande, que demora para acabar. O Relicário de Afetos da Lu Gastal é uma delícia de ler, uma volta ao passado, a família...Consegui ler O Físico que estava na minha lista há muitos anos e amei. Quase zerei os livros da Jane Austen. São muito gostosos de ler, super indico. Os Pilares da Terra foi uma grata surpresa, indicação de uma amiga, tá no meu top 10 com certeza. Mulheres em Ebulição foi incrível! Também foi indicação e me arrependo de não ter lido antes, maravilhoso! Segredos e Destinos é da minha prima Débora Gimenes. O primeiro romance dela, e achei a leitura fácil, que te prende e não tem como parar antes de chegar ao final. A Sútil Arte de Ligar o Foda-se também foi ótimo. Não gosto muito deste estilo de livro, mas gostei e indico. Sempre entram os clássicos que ainda não li. Vou mesclando com as leituras atuais, que são mais fáceis.

Capinha que comprei (fiz uma de tecido enquanto essa não chegava) é super boa, 
protege bem e quando abre a tampa já está na página certa de leitura.

Além destes, comprei muitos outros livros de artesanato. Ajudei no financiamento coletivo de dois outros livros (farei um post sobre eles), e apesar de gostar dos digitais, não quero que as livrarias desapareçam, muito menos os livros de papel! E para fortalecer essa corrente do bem, pedi um livro de amigo secreto, e ganhei outro de natal da minha prima. Se depender de mim o equilíbrio permanecerá. E tem espaço para todo mundo.











Comentários

Postagens mais visitadas