Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

Ideias Para o Dia das Bruxas

Você comemora o dia das bruxas? Aqui em casa nunca foi motivo de comemoração, nasci em outra época, e minha família não tinha este costume. Mas percebo que cada vez mais as novas gerações estão empenhadas em manter viva essa tradição que não é nossa, mas que tem todo valor. Pensando nisso fui em busca de inspirações. Vem ver a seleção que fiz de coisas fáceis, com tudo que você tem em casa para decorar e vestir também. Camiseta velha preta. Dá ou não dá pra fazer em casa? É só pegar a tesoura e sair cortando, tentando manter as linhas das teias de aranha. Eu adorei. Por baixo uma camiseta justa numa cor mais vibrante, tipo um roxo ou laranja, acho que dá uma incrementada no look.  E estes ratos? Que ideia simples de fazer que causa grande impacto. Assim que eu gosto! Dá para imprimir as silhuetas da imagem e cortar num papel preto e só colocar nos degraus da escada ou na parede mesmo. Seguindo na linha da decor, que tal meias listradas e umas botas velhas? Basta calçar

Sábado De Patch & Arte

Comentei no facebook que no final da semana teria a feira Patch & Arte São Paulo e passei lá no sábado, último dia para dar uma conferida. Bordado a mão sempre chama minha atenção. Olha quanta coisa linda! Essas bordadeiras são de Osasco aqui em SP. Passada com essa árvore! As folhas foram feitas com ponto pétala, ficou linda demais! De olho no artesanato feito com cabaças, já que ganhei algumas e estou atrás de ideias! Olha quantas possibilidades! Adorei os Minions! Tudo lindo no stand da Sutaco. As cabaças que se transformam em bonecos lindo, esse espelho com a moldura toda em papelão e as minhas já esperando para serem transformadas.  Nossa selfie na feira (eu e minha prima querida) com um pouquinho da decoração natalina. Espaço Alfaiataria da Rita Paiva estava muito lindo e diverso. Adorei a tricoteira com agulhas gigantes e fio de malha fazendo ao vivo suas peças. Vestido e saia da querida professora Francine Lacerda, também no Espaço Rita Paiva.

Calça Jeans Que Virou Tapete

E quanta coisa dá pra fazer com retalhos? E se forem retalhos de jeans? Quando transformei duas calças jeans em bermudas não descartei as partes de baixo, pois sabia que a hora delas chegaria. E chegou... Claro que somente duas calças não seriam suficientes, mas eu acabei cortando mais uma e minha mãe aproveitou o embalo e cortou mais outras e assim fiquei com bastante retalho para fazer meu tapete jeans. "Pernas" que sobraram das calças, separação das partes e corte dos quadrados de 15x15cm Primeiro separei as duas partes da "perna" da calça, cortando a parte mais grossa do pesponto, para facilitar a costura a máquina depois. Usei minha régua de patchwork para cortar quadrados de 15x15cm, medida totalmente aleatória, mas que funcionou bem. Como as calças eram de lavagens diferentes, os retalhos eram de vários tons de azul e cinza. Sobre a bancada coloquei os quadrados lado a lado, verificando a melhor combinação entre eles e também qual o tamanho que f

O Que Andei Costurando...Vestido, Encomendas e Bordado

Começo a semana mostrando o que andei costurando nestes últimos dias. Para começar, estou bem empolgada com o curso de modelagem de vestidos. Quando acabar farei um post mais completo, contando os detalhes, mas posso adiantar que tenho duas peças pilotos quase prontas (ajustes sempre serão feitos, pelo menos até a modelagem ficar ok, depois e só alegria) e mais duas modelagens em andamento. E isso quer disse que terei pelo menos 4 modelos de vestidos novos, todos feitos por mim, inclusive a escolha dos modelos. E isso tem sido uma experiência incrível! manequim nem está pronta ainda, mas já em uso. O vestido cinza foi a primeira modelagem e o rosa a segunda. Os dois precisam ser ajustados, mas estão saindo. Recebi uma encomenda especial da minha amiga Fernanda da Baths , que ainda não conhece os produtos dela, precisa experimentar, são tuudo! O dia dos professores estava chegando e ela já pensava num kit bacana para seus produtos, e então me pediu para fazer uns saquinhos de

Um Manequim Para Chamar de Seu

Desde que comecei a fazer as minhas próprias roupas com a querida professora Francine Lacerda , estou de olho em um manequim. Mas os preços são desanimadores por isso deixei em stand by. Já comentei muitas vezes que estou sempre conectada, observando tudo e é claro pegando referências para minhas "aventuras" no artesanato. E numa destas buscas no Pinterest ( me segue por lá também ), encontrei o que parecia impossível: - Fazer meu próprio manequim de moulage! Fiquei muito animada! O link é esse  daqui , aliás existem vários, ou seja todos compartilharam um diy gringo, mas não achei o original. O passo a passo eu não fotografei, já que tem no link, mas posso dar umas dicas que descobri enquanto fazia o meu. faltava apenas o pescoço, já estava super cansada - primeiro de tudo, você precisa de alguém para te ajudar, sozinha não dá mesmo! - use uma camiseta bem justa ao corpo e que seja mais comprida, que ultrapasse a linha do quadril. Se você não encontrar, coloqu

Dia Das Crianças Desconectado

Que tal passar o dia das crianças em casa, propondo várias atividades com os pequenos? Então, pensando nisso fui atrás de algumas coisas bem simples e que vão divertir muito seus filhos. Fazer um café da manhã, ou lanchinho da tarde? Não tenho filhos, mas minha sobrinha gosta bastante de por a mão na massa literalmente e sempre pede para me ajudar quando estou preparando alguma comida. Então chegou a hora! Acredito que muitos conhecem o programa Tem Criança Na Cozinha que passa no Gloob, mas pra quem nunca viu, o programa é apresentado por crianças e elas fazem as próprias receitas. Basta entrar no site , e escolher a sua preferida. Elas são ilustradas e farão o maior sucesso na sua casa. Mas se a culinária não é a sua e nem do seu filhote, que tal montar uma oficina de pintura? Esse será o dia de se sujar mesmo, colocar roupa velha, um avental, proteger o piso e soltar a imaginação! A pintura pode ser em papel ou tecido, depende da tinta que você tiver em casa e do material

Por Uma Vida Mais Vintage

Nunca esteve tão em alta objetos vintage como hoje. E você sabe a diferença entre vintage e retrô? Fiz um post bem bacana sobre isso . Tenho que admitir que recentemente comecei a garimpar essas peças entre meus amigos e familiares, mudando um pouco a minha visão sobre tudo que é antigo. Como sou arquiteta, além de outras funções, trabalho com a criação ambientes e para isso fazemos (quase) sempre móveis novos. Era chegar na reunião e o próprio cliente estava disposto a se desfazer de tudo que existia e assim mudar a cara da casa com peças feitas exclusivamente para ele. Pouquíssimas vezes algum móvel era mantido sem sofrer alguma alteração. E posso afirmar que anos de minha vida profissional pensei assim, o que era velho devia ser descartado. No último escritório que trabalhei minha mentalidade começou a mudar. O que podia ser reaproveitado ficaria com certeza na obra, e assim, nos últimos anos, depois que parei de trabalhar em escritórios e passei a ter o meu, absorvi esse conce

Jaqueta Nova, SQN!

Ando curtindo muito essa minha fase de customização de roupas. Já mostrei o passo a passo do vestido  e as minhas ideias não param! Jaqueta jeans lindona e pronta para ser usada novamente. A peça da vez foi uma jaqueta jeans bem velhinha. Na verdade tudo começou com uma camiseta de malha que eu amava. Usei tanto que a coitada furou e resolvi recortar as estampas que haviam nela. Guardei por um bom tempo, sempre pensando como reaproveitar as imagens que eu tanto gostava. E numa das minhas organizações do armário, vi a jaqueta parada há tempos, praticamente não usava mais. Olhei para ela, e decidi que seria o destino certo para este projeto. Jaqueta jeans + estampa + chita Mas só a estampa não seria suficiente, comprei uma chita em tons de amarelo e vermelho para dar o toque final. Foi super simples de fazer, e o melhor, pode ser costurado a mão ou até mesmo colado com cola de tecido, assim que não tem muita habilidade com a máquina também pode executar. Primeiro copiei o

Finalmente Frida Kahlo

Finalmente chegou a São Paulo a exposição da Frida Kahlo e eu não poderia ficar de fora. Quem me acompanha há algum tempo já sabe o quanto eu sou admiradora do trabalho dela e que a cada dia que passa minha coleção de bonecas vem aumentando. Na última exposição que fui eu comentei que havia "comprado" (neste caso era grátis, só reservei) o ingresso via internet, o que facilitou muito a minha vida, ou seja, nada de filas absurdas! E desta vez não foi diferente, entrei no site e comprei meu ingresso e lá fui eu, feliz da vida sem me preocupar com filas, apenas visitar e admirar as obras. A visitação é dividida por horários, eu comprei das 11 às 15h30. Cheguei um pouco mais de 11h  e tinha pouca fila. O Instituto Tomie Ohtake é bem bacana, vale a visita. As "selfies" de Frida e muito mais.  Adorei as roupas. Fiquei encantada com as cores, combinações, bordados, enfeites de cabelo..Simplesmente maravilhosa!. Além da Frida, muitos outros artista