Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

Decoração de Natal - Hohoho

Seguindo com os enfeites natalinos, fiz mais um para a porta (adoro enfeites de porta rs) desta vez usei o "hohoho" do papai noel e o pinterest para me inspirar. Você vai precisar de um molde com as letras H e O , tecido de natal, manta acrílica e barbante. Criei as letras para facilitar a execução.Entre no link para acessar os moldes. Primeiro recorte os moldes. Posicione as letras no tecido e corte 6 vezes cada uma, ou seja teremos 12 letras. Faça o mesmo com a manta, sendo neste caso apenas 6 vezes.  Eu cortei duas letras juntas, mas depois achei melhor separá-las, por isso corte individualmente cada uma. Posicione numa mesa, fazendo um "sanduíche" com o H com avesso para cima + manta + H com o direito para cima. Alfinete todas as letras e costure cada uma individualmente, pelo direito do tecido, para que fique aparecendo a manta e as costuras (quanto mais melhor e se forem desordenadas também fica interessante). Retire o excesso de manta

Decoração de Natal - Árvore de Natal

Já começaram a decoração de natal? Por aqui vou reutilizar a guirlanda que fiz ano passado com os carreteis de linha (veja aqui) e a árvore de tecido que aprendi na Rainhas da Costura, inclusive se você quiser aprender, a Patricia Cardoso fez um tutorial bacana no blog dela . minha árvore linda e já enfeitando a porta aqui de casa Além deles, fiz um enfeite de porta que peguei inspiração no instagram da querida Lu Gastal. Vou mostrar o passo a passo para vocês verem como eu fiz o meu. Escolha um tecido bem bonito de natal e use o molde de triangulo que deixei disponibilizei aqui para fazer a marcação. Corte a quantidade que quiser, eu fiz com 4, então precisei cortar 8 triângulos (frente e verso). O primeiro que vai será o topo da árvore, você pode colocar um pedaço de fita dobrado ao meio e prender com alfinete (como na foto do meio) e unir direito com direito, e costurar todo o contorno (como na foto da esquerda) deixando uns 3 dedos na parte de baixo sem cost

O Que Andei Costurando - Vestido Tipo Bata

Terminei o curso de modelagem com cinco moldes de vestidos prontos e apenas um costurado. Contei neste post  aqui . Algumas semanas se passaram desde então e não me esqueci deles! Andei comprando os tecidos, o forro, ajustando os moldes, fazendo as peças piloto. Vestido novo combina com dia ensolarado e no pé Riva Sandálias, adoro! E dá trabalho. Talvez por eu não ter tanta experiência assim, tem modelo que já fiz 3 peças pilotos para deixar como eu queria. E tudo isso requer tempo (tive pouco nestes últimos dias) e paciência mesmo, porque desenha, recorta tecido, costura, ajusta o que precisa no molde e refaz a peça piloto, até deixar tudo redondinho. Mas estou adorando!! Essa semana tive uma folga e fui cortar mais um vestido, seria o segundo com a modelagem feita por mim. Escolhi um tecido que ganhei de uma tia, mesclei com outro que já tinha e lá fui eu, costurar! Mas quando faço a peça piloto não costuro forro e foi ele quem me deu trabalho, mais uma vez! Por não ter zí

Presentes de Natal - Capa De Almofada

Capa de almofada com zíper embutido. Mas um presente fácil de fazer e que compartilhei no snapchat. Para que todos possam acessar mais vezes, segue o vídeo que coloquei no meu  canal no youtube . Comentei no post anterior, são vídeos bem caseiros, nada elaborados, mas com passo a passo bem tranquilo de ser entendido. zíper "escondido" e ao lado a aba levantada com ele por baixo. Quer aprender? Você vai precisar de tecido, enchimento de almofada e zíper comum. Materiais: - enchimento de almofada de 45x45 cm; - zíper comum de 40 cm; - um tecido quadrado (48x48 cm), dois tecidos retangulares (28x48 cm) e retalhos. Quem se anima?

Receita de Família - Cuscuz Paulista

Sei que este blog não é de culinária, mas é de compartilhar coisas que me deixam felizes e fazem parte da minha história. Toda família tem alguma receita que é tradicional e todos gostam. Na minha existem algumas, mas o cuscuz paulista da minha tia Ló é incrível. Sucesso desde sempre. Me lembro nas festinhas da escola onde cada criança levava um prato de doce ou salgado, o meu era sempre o cuscuz. Depois de comer, todas, eu disse TODAS as professoras pediam a receita. E essa parte era a mais difícil. Como pedir a receita para uma cozinheira que fez isso a vida toda, não tem quantidade certa de ingredientes, vai colocando conforme a receita tá pedindo, mais tomate ou mais farinha... acho que vocês me entendem, não? Mas mesmo assim, sentávamos juntas e ela me ditava os ingredientes, o passo a passo e a gente repassava e nunca ficava com a receita. Outro dia na minha aula de modelagem de vestidos, estávamos conversando sobre comida, sobre cultura, pois a professora Francine é ga

Presentes de Natal - Avental De Papai Noel

Por aqui já começaram as costuras natalinas. Parece que falta muito, mas não é bem assim. Eu gosto de me organizar e não deixar nada para última hora, pois imprevistos acontecem. Quem me acompanha há mais tempo sabe que ano passado, às vésperas do Natal, minha mãe acabou jogando fora, junto com a reciclagem de lixo, os presentes que eu havia feito para minha família. Foram vários, entre porta maquiagens e aventais soma-se mais de 10 itens. Foi um susto! Só descobri quando fui procurá-los para colocar embaixo da árvore no dia 24 de dezembro. Ela ficou mais chateada que eu. Isso prova que não podemos nos deixar envolver pela loucura que atingi a todos no final do ano. Pare e pense antes de agir. Bom, águas passadas...bola pra frente e agora me propus a refazer os presentes. avental de papai noel personalizado para presentear minhas tias Havia feito vários aventais como se fossem a roupa do papai noel, e ainda bordei a máquina o nome das minhas tias. Ficou muito lega

Marie Kondo E Eu

Pois é, me rendi ao método KonMari da expert em organização e fenômeno mundial Marie Kondo. Acredito que fiquei sabendo do livro bem depois da grande maioria. Não costumo comprar livros deste tipo, não gosto muito dos intitulados como "auto ajuda", se é que posso enquadrar este livro nesta categoria. Mas de organização eu gosto! Sempre me gabei e dizia a todos que era organizada, mas percebi que a organização vai além das aparências. Antes mesmo de começar a leitura já fiz um organização nas estantes daqui de casa. Descartei por volta de 35 unidades. - Nossa! - pensei comigo. Imagina depois de ler o livro como não será a minha vida. E é verdade, depois de ler estou disposta a rever as estantes e me desfazer de mais. Bom, você pode pensar assim, o que tem de tão especial neste livro, afinal é um livro comum de organização e tal, e existem vários a respeito, tem programa de TV, tem profissionais que fazem atendimento personalizado...Pois é, não sei dizer o que tem, mas

De Cabeça Pra Baixo

Dividi com vocês meu novo cantinho de criatividade e desde então já mudei algumas vezes o layout do espaço. Cheguei numa configuração bacana, com bancadas de apoio a minha mesa principal e acho que agora ficou bom. Bagunça criativa no meu ateliê...Preparativos para o Natal Banco porta coisas já em uso . Mas faltava um apoio para as réguas, para tecidos em uso, sabe aquela hora que a gente precisa "limpar" a mesa para começar um projeto novo? Então eu apoiava num banquinho mas não estava dando conta. Voltando as minhas pesquisas no pinterest encontrei um projeto legal de um banco virado de cabeça pra baixo, bem multiuso, como eu estava precisando. E lá fui eu, mais uma vez nas minhas aventuras pelo mundo do faça você mesmo. Ponto inicial, nada de gastar! Olhei os bancos de madeira aqui de casa e todos estavam muito bem utilizados. Mas por que não usar um banco de plástico? E melhor ainda, não precisava comprar, ele estava bem ali no meu ateliê. Acima

Vestidos, Como Não Amar!

E sábado acabou o curso de modelagem de vestidos. Foram cinco aulas muito proveitosas e estou atingindo a minha meta de me dedicar a produção das minhas roupas neste segundo semestre. Feliz! Formadas! Eu (com meu vestido cintura baixa) e minha colega Marie no último dia de curso de modelagem de vestidos.  Desde que comecei a costurar, meu interesse era em fazer minhas roupas. Gosto de moda, de artes e arquitetura é lógico e criar as suas peças tem relação com tudo isso. Além de encontrar dificuldades na compra delas em lojas (normalmente ficam bem grandes, ou se ficam justas no quadril, largas na cintura e assim vai) a possibilidade de desenvolver seus modelos é motivador. E adoro desafios. Comecei um curso de modelagem de saias há bastante tempo. Era uma modelista que trabalhou em grandes marcas. Foi bem interessante, mas ficou apenas nisso, não tiveram mais aulas. Então conheci a Francine Lacerda . Suas roupas já eram bem conhecidas por ter referências no estilo ladylike e q