Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2018

Alimento Para a Alma

Olá, Quem nunca passou a semana inteira cansada, estressada, só esperando o fim de semana chegar? Acredito que a grande maioria das pessoas. Há muito tenho lido sobre propósito, sobre fazer o que se gosta e ter prazer com seu trabalho. Mas então porque esperamos tanto para ser feliz em apenas dois dias na semana? Na verdade o domingo já é um dia triste, pois antecede a temida segunda-feira. Observar o céu durante a semana, registrar estes momentos são muito importantes para nossa alma. Durante muitos anos eu me sentia assim. Apesar de trabalhar com o que gostava - no caso a arquitetura - eu não via a hora de sair do escritório. Aos poucos comecei a procurar cursos que me dessem algum alívio na rotina tão desgastante. E hoje em dia, depois de pedir demissão e trabalhar como autônoma percebo quanto tempo "perdi" ou deixei de viver, dentro de um escritório. Em outubro faz 7 anos que tomei essa decisão. Ela foi tomada por uma série de motivos, mas o principal deles foi

Moda Sustentável #fashionrevolution

Olá, Estamos na semana do Fashion Revolution , evento que nasceu para conscientizar a indústria e consumidores sobre a produção/consumo excessivo de moda. Calças, blusas, vestidos, saias, bolsas...não apenas de costura mas de tricô e crochê. Tenho feito de tudo, e amo cada dia mais poder usar algo feito por mim. Nunca me considerei uma consumidora em potencial, mas tinha sim um guarda roupa com muitas peças. Quem trabalha fora e não usa uniformes sabe da dificuldade em se arrumar todos os dias. Eu sempre passava nas lojas, aproveitava promoções e comprava mais do que precisava. Há sete anos passei a trabalhar em casa. Mudei radicalmente o meu consumo. Uso menos roupas de frio e calçados, já que passo a maior parte do tempo no homeoffice. E consequentemente compro menos também. Ainda tenho muitas roupas e sapatos daquela época. O fato de trabalhar em casa e aprender a costurar foram fundamentais para mudar meu modo de enxergar essa indústria que a todo momento nos bombarde

O Que Andei Costurando...Calça

Olá, Em março eu fiz um post contando minha animação de ter voltado a costurar minhas roupas. Fiz duas calças e duas blusas ( regata e com mangas ) e tem post contando tudo sobre elas. Ficou faltando o de uma das calças, eu estava esperando a oportunidade de usá-la para fotografar.           O tecido é listrado e não fica muito bom na foto. Queria mostrar o detalhe do cós e o botão que encapei, usando o kit que vende na Daiso. Achei que deu um charme.     As fotos foram tiradas no mesmo dia, de manhã em casa e a tarde na Novelaria para meu encontrinho mensal com as amigas tricoteiras. Ao lado o acabamento do cós todo costurado a mão.   Mais um detalhe da calça que ficou super confortável. Na feira Brazil Patchwork show eu estreei a peça, mas não fiquei muito satisfeita não. O cavalo ficou subindo e não gostei do resultado da peça. Às vezes não basta só experimentar, precisa usar mesmo, caminhar para sentir se está tudo ok.            Estas fotos são da primeira vez

Deu Pooling!

Olá, Se prepara que com certeza você lerá o post mais inspirador de todos os tempos! E não é exagero não. Ano passado descobri o grupo Crochê Descolado. E apesar de não acompanhar muito, sempre que posso fico atenta aos desafios que a  Clarice do Cacarecos Craft e a Bruna do Crochet.land  criam. Eles servem para unir o grupo e propor que todas façam alguma peça durante o mês, e isso ajuda demais a destravar a criatividade e movimenta seu dia a dia crocherístico. Mais infos sobre o grupo tem que entrar no face, lembrando que é fechado.                    No computador testando os desenhos para escolher o mais adequado. Ao lado já dando início ao pooling, depois de muito desmanchar. Ano passado cheguei a iniciar um desafio , mas não finalizei. Este ano teve o xale de Prisma que fez um sucesso danado - eu não encarei, não curto muito xale, mas não descartei de fazê-lo um dia - teve as girafinhas (fiz duas das receitas propostas, mas ainda quero completar) e agora em abril foi a

Arquitetura em Argila

Olá, Finalmente consegui terminar minhas casinhas de argila. Fiz um post sobre os cursos feitos no final de janeiro no Sesc Pompéia. O do J. Borges já saiu (quem quiser ler entra aqui ). Casinhas antes da pintura. O curso Arquitetura em Argila: Modelagem em Miniaturas Coloniais, foi o meu segundo escolhido. Sempre comentei que gostaria de aprender a fazer peças em cerâmica. No Sesc é quase impossível, se esgotam rápido demais. Mas apareceu essa oportunidade de fazer casinhas - outra paixão - achei que era um bom começo. A proposta do curso era fazer uma casa colonial e uma igreja. A professora é uma querida, super animada e cheia de energia. A Maria Clara tem uma página no facebook e quem se interessar, basta dar uma pesquisada nas lindezas que ela faz. A ideia era fazer casas coloniais de uma forma bem simples, sem equipamentos sofisticados. Usamos apenas argila e palito de unha. E o resultado foi muito incrível. Como sobrou tempo, eu me arrisquei em fazer outr

Feira Brazil Patchwork Show

Olá, Fim de semana foi de Brazil Patchwork Show. Desta vez não trabalhei na feira , marquei com as amigas tricoteiras de nós encontrarmos lá, no final só eu e a Kátia Linden fomos, e foi mais um passeio criativo e divertido. A Lu Gastal fez um bate papo gostoso no espaço da Rita Paiva. Outros nomes importantes do nosso meio artesanal também passaram por lá. Pude rever a Millyta e conversar um pouco com ela sobre o livro, que aliás está lindíssimo! Visitei alguns stands e fiz uma pequena comprinha. Tenho muito material e estou dando prioridade para usar os que estão guardados. Chega de consumismo!               Finalmente adquiri um dedal de SP, minha cidade querida. A caneta que sai com o calor também fez parte das minhas comprinhas bem direcionadas nesta feira. No sábado (eu não fui) teve tarde de autógrafos com as queridas Kátia Callaça , Lu Gastal e Millyta. Gente todas elas lançaram livros recentemente, e eu ainda quero adquirir o da Millyta e da Kátia. O Relicário

Oficina de Crochê com Fio de Malha...Cachepô com Tampa

Olá, A cada ano venho me propondo metas (atingíveis) a serem cumpridas. Para 2018 a minha intenção era criar novos produtos para minha loja, desenvolver uma receita de amigurumi, e me dedicar com afinco ao tricô. Posso adiantar que estamos em abril e todas estão em andamento. Mas além delas, apareceu a oportunidade de dar aulas presenciais. Sim, porque eu já tenho um canal no youtube onde ensino várias técnicas diferentes. O mais legal é que comecei de forma despretensiosa e hoje recebo inúmeros relatos de pessoas que gostaram da minha didática. Então chegou a hora de dar um passo a frente. E as aulas presenciais vão acontecer. A primeira delas será no ateliê Francine Lacerda , onde por muitos anos fiz meu curso de modelagem. Estou bem feliz, a Fran é uma querida, super talentosa. tem um espaço super agradável perto do metro Vila Madalena. Vamos aprender várias técnicas que você vai poder aplicar em outros projetos. Se você sempre quis aprender um técnica nova, essa

Oficina De Perfume Terapêutico - Com a Baths

Olá, Quem gosta de fazer cursos põe o dedo aqui, que já vai fechar! Eu adoro. Viveria de cursos. Acho tão gostoso aprender coisas diferentes, conhecer gente, lugares...Inclusive escuto sempre que sou a pessoa que mais faz aulas, independente de quais sejam. Se sou essa pessoa não sei, mas eu sou a quem mais compartilha, isso sim. Ano passado foi um ano de muito aprendizado para mim. Comecei a buscar livros, vídeos para me ajudar no processo de autoconhecimento. Sempre achei que me alimentava bem, mas também busquei mais informações sobre o poder da comida de verdade. Este é o meu perfume. Tem 3 óleos essenciais misturados a um óleo corporal neutro. Ele serve para tratamento, não compartilhei os nomes dos óleos, pois é algo pessoal e dentre os 13, cada um acaba escolhendo o melhor para seu momento atual. Em meio a todo esse processo, vinha acompanhando a evolução da Fernanda da Baths - minha amiga de adolescência - investindo em produtos naturais, aromaterapia, e meu interes

Gorro com fio Zôdio... Autumn is Coming

Olá, Na minha primeira visita a Zôdio eu comprei alguns novelinhos de um fio muito específico, que eu nunca tinha visto por aqui. E decidi fazer um gorro em tricô para testar. Fio bafônico da Zôdio. Tem post aqui . A peça ficou pronta super rápido, comecei durante os nossos encontrinhos na Novelaria, e terminei na semana de descanso em janeiro. Como estávamos no calor, acho melhor esperar a temperatura ficar mais amena para fotografar, mas ainda não consegui usar hehehe. O andamento da peça. Pedi para minha mãe me ensinar um ponto aberto de tricô, e o resultado foi essa combinação. Super aprovado o fio. Só é um pouco caro para o que estamos acostumados aqui no Brasil. Mas como três novelos já consegui fazer uma peça diferente, e não gastei muito. Uma dica boa é fazer um colete, como uma amiga fez, a Camila do Crocheteando . Eu fiquei encantada com a peça dela, toda amarela, foi sucesso! O pompom fiz com o fio urbano. Por acaso tinha um restinho bem da cor e fico