quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Diy - Almofada com Zíper Invisível

Olá,

Capa de almofada é uma dica muito prática para você mudar a cara da sua casa sem gastar muito e sem fazer obra. Por experiência própria, trocar tapete, almofadas, colocar uma manta no sofá, baixar ilustrações (existem inúmeras gratuitas) e fazer quadros (existem molduras baratas nas lojas tipo R$1.99) fazem toda a diferença na sala, no quarto. Experimenta!

Já ensinei no meu canal do Youtube a fazer uma capa de almofada com zíper comum, mas deixando ele "embutido" por uma aba de tecido. Recebo muito feedback das pessoas que aprenderam com este ele. Então decidi ensinar uma outra forma de fazer, usando desta vez o zíper invisível.


Usei as sobras dos tecidos que fiz as almofadas da minha cliente - aqui reaproveito tudo - e ficou bem interessante. Usei dois retalhos de 47x47 cm e um zíper invisível de 55 cm. Para dar um detalhe a mais fiz a letra "A" com outro tecido e ficou muito atual, moderna e principalmente barata!

Espero que gostem, façam e me marquem para eu acompanhar o trabalho de vocês também! A troca é super importante neste meio da costura, todo mundo tem uma dica bacana que pode ajudar outras pessoas...



segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Tingimento Natural

Olá,

Sábado finalmente consegui fazer uma aula de tingimento natural. Há muito venho me interessando por estamparia manual e o tingimento engloba este aprendizado que estou buscando.

A aula foi no espaço do Banco de Tecido, local escolhido pela Fabíola do Studio Trinca, já que tem tudo a ver com sustentabilidade e reaproveitamento de tecidos.

  
Os da esquerda foram testados no algodão 100%, sendo o amarelo a Cúrcuma e abaixo as flores. Os da direita na seda. Acima o tecido tingido com a beterraba ficou num tom offwhite, coloquei ao lado um tecido branco para comparação. E abaixo a mesma técnica com as flores. Resultados praticamente iguais nos dois tecidos.

O curso foi dividido em dois períodos, pela manhã tivemos aula teórica, vídeos e discussões sobre moda, ecologia, questões sociais, econômicas, consumismo e o que algumas empresas e pessoas vem fazendo para evitar o consumo exagerado. O Ecoera também foi citado, já falei da Chiara aqui e vale conhecer o trabalho dela.

      
Vestido tingido manualmente pela Fabíola. Uma das inúmera possibilidades que esta técnica oferece. Ao lado os tecidos sendo tingidos com cúrcuma e com beterraba, na parede os testes prontos.

A tarde foi dedicada ao tingimento propriamente dito. Usamos duas técnicas, a primeira usando a cúrcuma e a beterraba com a imersão em água quente. A segunda foi o shibori, feito com flores e vapor. Dois tipos de tecido também foram testados, o algodão 100% e a seda.

Flores para a técnica do shibori, e os rolinhos de tecido já prontos.

Este foi o meu primeiro contato com este tipo de técnica. Saí do curso com bastante informação e com a vontade de pesquisar mais e me aprofundar nos materiais e tecidos que podemos usar.

Tecidos retirados do vapor e desenrolados, as flores dão um colorido lindo. 

Sábado que vem terá mais uma turma, se alguém se interessar, pode entrar em contato com a Fabíola. Uma figurinista carioca muito divertida e inteligente, que busca propagar o conhecimento e transformar nosso mundo num lugar melhor para se viver.



quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Tecidos Coloridos...Lançamento Lugastal

Olá,

Sexta foi o lançamento da nova coleção de tecidos da Lu Gastal para o Fernando Maluhy. Conheço a Lu há algum tempo, sou super fã do trabalho dela e da pessoa que ela é. Tão criativa, colorida, inquieta - não fica parada um minuto. Uma loucura acompanhá-la...adoro essa rotina sem rotina. Tudo pode mudar a cada momento. E isso reflete muito nas suas criações.

Detalhe do zíper por fora da blusa que fez toda a diferença.

Após uma viagem com a família para o deserto do Atacama no Chile, surgiu a ideia desta coleção, As estampas são divididas em 3 grupos, Etnic, Folk e Gipsy e foram pensadas para atingir o público voltado para a moda. E eu fui convidada, juntamente com outros artistas a fazer parte deste evento.

Mesa do café da manhã, com muitas peças lindas feitas pelos colaboradores.

Mesa para festa de aniversário ficou linda demais.


Detalhes dos cantinhos decoradores e o cartão de agradecimento com o meu nome, muito amor!

Escolhi duas estampas da linha Folk e fiz uma calça e uma blusa com as modelagens que já havia testado antes. O meu tempo era bem curto, entre buscar o tecido, cortar e costurar foram 3 dias de trabalho. Corrido, mas deu certo!


Com a Silvana e a Lu. Parceria incrível dos tempos da Eduk.

Cada um dos artistas contribuiu de alguma forma, fazendo peças com os tecidos, sendo roupas, bolsas, itens de decoração, encadernação, almofadas, mostrando a infinidade de possibilidades que eles oferecem. Com certeza o ponto alto do evento foi o desfile das alunas da E.T. José Rocha Mendes com as roupas feitas por elas mesmas com moldes da Burda.

Desfile das peças maravilhosas da Burda, os alunos arrasaram!

Na quinta-feira ajudei na montagem do espaço, tirei muitas fotos, fiz vídeos, tudo para quem não pode participar estar mais perto da Lu, e participar de alguma forma do evento.

Vídeo com os bastidores da montagem e o dia do lançamento.



Um pouco dos bastidores no dia anterior ao evento. As Blythes sendo preparadas...

A tarde foi destinada as artesãs que se inscreveram com antecedência para assistir uma aula da Lu Gastal. Elas puderam fotografar as peças, olhar os ambientes criados, conhecer os tecidos, foi muito divertido.

Aula da tarde com as artesãs inscritas. E a self com a Lu.


As Blythes prontas. Muita delicadeza nesta coleção.

Os modelos escolhidos por mim foram uma blusa acinturada com pences, gola canoa e manga curta. Usei um zíper destacável na cor azul, costurei por fora do tecido, deixando a peça moderna e bem diferente. Eu gostei demais.

Me preocupei em seguir o desenho da estampa. Dá trabalho mas faz toda a diferença na peça pronta. 

Zíper aberto para mostrar o acabamento interno. A estampa continua alinhada nas costas.

A calça é o mesmo modelo que publiquei há pouco, a modelagem mais versátil que pode existir, hahaha. Fiz desta vez com dois bolsos externos, seguindo o desenho da estampa. Ficou muito bonita, e fez bastante sucesso no evento.

Adorei esta estampa. Foi a primeira que escolhi e tinha certeza que faria uma calça com ela. Ah, vejam o detalhe dos bolsos, estão alinhados com a estampa. Detalhes importantes para quem costura.

Foto com a minha professora querida Francine Lacerda. Estava ansiosa para mostrar minhas costuras a ela. Fiquei muito orgulhosa de mim. Ah, a blusa da Fran também é com tecido da coleção, ficou um charme!

Espero ter conseguido mostrar um pouco de como foi o evento, dos tecidos e dos artesãos incríveis que por lá passaram.


segunda-feira, 28 de novembro de 2016

O Que Andei Costurando...Look Despojado para Fim de Semana

Olá,

Estava olhando meu planner do mês de novembro e nossa, quanta coisa eu fiz! O mês foi muito movimentado. E apesar do pouco tempo, produzi muitas roupas, o que me deixou bem feliz! Semana passada postei a blusa de seda, com estampa bem delicada, essa foi a primeira a ficar pronta.

 
Um domingo de sol foi o cenário para essas fotos.

Hoje vou postar a calça. Ela é a mesma que mostrei nestes posts (aqui e aqui), essa modelagem foi desenvolvida em aula, junto com a professora Francine Lacerda e deu tão certo que já costurei quatro, fazendo algumas adaptações sutis, deixando-as diferentes umas das outras.

                  
A calça não tem bolsos e é bem leve e colorida, look perfeito para tênis, rasterinha...

Fiz essa calça com tecido bem leve e colorido, tirei os bolsos e ficou tão confortável e ótima para usar no verão, na praia. Eu adorei e já quero fazer mais.




quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Diy - Relicário com Medalhas

Olá,

Não sou uma pessoa religiosa, mas tenho um cantinho da fé na minha casa. Fiz com a Pricila Blum e Ju Padilha uma oficina há tempos, onde montamos um relicário com mini caixa de feira, flores, aviamentos...coloquei a Nossa Senhora Aparecida e Cosme e Damião, ambos estavam inclusos na aula. Aos poucos fui acrescentando mais alguns.


Faz tanto tempo que não tem post no blog...mas a fotinho tá ai.

Eu gosto muito desta cultura popular que envolve os santos. Muita cor, materiais diversos...acho bem lúdico e criativo mesmo. As medalhinhas e crucifixos também me agradam. Sempre ganhamos em festas, eventos...e eu tinha uma porção delas por aqui. E para criar mais um cantinho de fé, agora para meu ateliê, que decidi fazer esse relicário que gravei o passo a passo para vocês.


Pesquisei em muitos lugares, inclusive a Santa Graça tem peças maravilhosas, eu já postei aqui o passo a passo das letras de mdf decoradas, que foi super inspirada no trabalho deles.


Relicário colorido e cheio de medalhinhas...

A ideia é completar aos poucos, conforme for comprando/ganhando as medalhas acrescentar no relicário. O meu ainda tem bastante espaço para ser preenchido e já estou amando o mais novo item da decoração do meu ateliê.

E vocês? Mais alguém tem um cantinho da fé em casa?