segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Colares Bordados

Olá,

Fiz dois posts sobre a Burda Expo, o primeiro era um vídeo com tour pela feira e outro dicas e comprinhas. E por falar em compras, trouxe alguns itens para serem feitos em casa. E comecei pelos colares de bastidor que comprei do Bordado Studio.


Se você ainda não conhece, dá uma olhada nas fofuras que podemos bordar neste mini bastidores. Há tempos estava de olho neles, aproveitei a feira para conhecer a Andressa e garantir os meus. Mostrei aqui como foi minha experiência no curso de bordado em camiseta, foi bem divertido.

Saí do curso cheia de inspiração e no mesmo dia finalizei a camiseta. Logo já pensei no que bordar no meu primeiro bastidor. Queria algo desenhado por mim e que tivesse alguma relação direta com minha pessoa. E pensei no chá.

Chá, sim! Uma xícara de chá me representa. Até o nome do blog Arthé tem ligação com ele. Thé é como se escreve chá em Francês (lê-se TÊ, mas optei em deixar a sonoridade como lemos aqui em português), ou seja, escolha melhor não haveria.

Bastidor amarelo de plástico foi a melhor descoberta de todos os tempos. Super prático, usarei muito. Colar finalizado ficou bem delicado, como eu queria.

Para o segundo, que tinha um formato mais retrô, optei em desenhar flores coloridas, mas que ficassem meio abstratas. O ponto cheio foi o escolhido. Sempre gostei deste tipo de bordado, vemos muito em banquetas e colchas de cama. O desenho fiz a mão livre usando a caneta fantasma (aquela que sai com o calor).


Estes são os meus primeiros colares bordados. Certeza que farei outros, já quero um de ponto cruz, um com flamingo, outro com máquina de costura...




quinta-feira, 22 de setembro de 2016

DIY - Mini Lousa com Pregador

Olá,

Estes dias estava pensando em algumas maneiras de colocar informações e preços nas minhas peças quando forem para bazar/loja (é...estou pretendo participar de alguns, veremos!). E uma das minhas favoritas são as mini lousas.

A primavera tá chegando e minhas lavandas estão ficando lindas. A mini lousa veio para alegrar ainda mais meu jardim.

Como aqui a ideia é sempre reaproveitar/criar, nada de comprar as lousinhas. Vamos aprender a fazer usando apenas pregadores de roupa, papelão, retalhos diversos, contact preto, cola e tinta colorida.

Fiz um diy bem simples no meu canal do youtube, passa lá e aproveita para se inscrever e não perder nadinha. Tento postar pelo menos um vídeo por semana...


1 - Para começar separe os pregadores, tire a parte de metal e pinte de todos os lados. Deixe secar e se for preciso, dê mais uma demão.

2 - Enquanto eles secam, vamos definir o tamanho da sua lousa. Para ficar proporcional ao pregador, fiz as minhas com retângulos de 11,00x8,00cm, claro que pode variar, mas essa medida favoreceu o aproveitamento do papelão que usei. É importante pensar em tudo!

3 - Recorte os tecidos com a margem maior que o retângulo, eu deixei 2 cm de cada lado. Quem conhece um pouco de encadernação pode usar o fio de cabelo para dar um melhor acabamento, mas se você nunca ouviu falar nele, não precisa cortar a lateral, basta dobrar a margem para dentro e ficará bom do mesmo jeito.

4 - Passe a cola no papelão com ajuda de um pincel, coloque o tecido bem centralizado, e dobre as sobras, passando cola no papelão e no tecido. Pronto, deixe secar. Para deixar o contact mais resistente, cole em retângulos menores, com 9,00x6,00cm.

5 - Agora faremos a montagem. Primeiro cole o contact no papelão revestido de tecido. Cuidado para que todas as margens fiquem com mais ou menos o mesmo tamanho. Monte novamente os pregadores e passe a cola universal para fixar na parte de trás da lousa.

É bem simples e dá um super resultado. Solte sua criatividade, tem muita coisa para fazer com elas.
Gostaram?







segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Uma Manhã de Bordado Livre

Olá,

Ultimamente tenho feito aulas de costura e modelagem apenas, já estava com saudades de diversificar um pouco. Bordado à mão é uma técnica que gosto bastante. Nunca fiz um curso específico, participei de um no Sesc Pompéia, onde fiz um livro de tecido, e nele usei alguns pontos. Mas se você não treina, acaba esquecendo.

On line acompanhei o curso do Clube do Bordado na Eduk, foram três dias muito inspiradores. Elas tem um ar mais moderno, que não se parece nem de perto com o bordado das nossas avós. Isso tem me atraído muito.

Toda trabalhada no handmade. Tem calça, blusa, bolsa e pulseira, tudo feito à mão.

Então conheci o Bordado Studio. Também criativo e inspirador. Acompanho a Andressa pelo instagram e já estava de olho nas aulas dela. Durante a Burda Expo pude conhecê-la pessoalmente e conversar, fiz comprinhas de colares bastidores e soube do curso de bordado em camiseta. E lá fui eu.

kit para a aula de bordado em camiseta, com bastidor tudo de bom, agulha, linha e o desenho.

Sábado de manhã entrei num conjunto na Consolação muito incrível, era o Lab Fashion. Um espaço de coworking voltado para a moda. A sala tem mesas grandes, manequins e máquinas de costura. Se você ainda não tem a sua, este espaço lhe será bem útil. Eles também alugam salas para reuniões, palestras e cursos. E foi neste ambiente que tivemos nossa aula. A turma do Bordado Studio era grande, 12 meninas querendo aprender e/ou aprimorar seus conhecimentos no bordado livre.

Espaço da Lab Fashion onde aconteceu a aula. Adorei o lugar.

A Andressa é muito querida. Explicou bem direitinho todos os passos para dar início ao bordado. Indicou materiais, lojas, e mostrou como faz o seu trabalho. Depois chegou a nossa vez de treinar uns pontos e depois começar a bordar nossa camiseta.

No curso estava incluso um bastidor de plástico com silicone (eu acho) que cabia direitinho dentro do bolso da camiseta, agulha, linhas de meada, um material explicativo de pontos básicos, imagens para usarmos de referências e a camiseta. Ela é feita pelo Bordado Studio, a Andressa desenvolveu o modelo e todas as peças são cheias de estilo. Eu amei o bastidor e já quero comprar os maiores. Muito prático e moderno, facilita demais o encaixe, vale conhecer.

Sai de casa decidida que bordaria a constelação de peixes, meu signo. Usei uma linha azul e ficou bem bonitinho. Confesso que bordar em tamanhos tão reduzidos não é tarefa das mais fáceis, mas deu certo.

Minha camiseta pronta. Amei o resultado, queria muito a constelação de peixes.

Já havia comprado dois colares bastidores na feira e eles também são criação do Bordado Studio, eita menina criativa! Logo mais mostro para vocês como ficaram, um eu já terminei...

Fachada linda que encontrei nos Jardins para ser fundo da minha foto. Tem tanta máquina de costura, não poderia ter escolhido melhor lugar!

Quem mais gosta de aprender novas técnicas? Me conta a sua favorita?





quinta-feira, 15 de setembro de 2016

DIY - Vasos Para Suculentas

Olá,

Faz um tempinho que ganhei umas cabaças da minha tia e estava pesquisando o que fazer com elas. Até criei uma pasta no Pinterest (me segue por lá também) para me inspirar.

Ainda vou colocar mais plantinhas no primeiro, ficou meio vazio...mas gostei do resultado.

Estou com obra em andamento e isso consome muito do meu tempo. Mas numa tarde mais folgada, decidi que era o momento de por a mão na massa e transformar as cabaças. Fazia tempo que não "produzia" nada com as mãos, além das costuras...já estava com saudades.

Depois de ver inúmeras referências, optei por algo mais simples, que não fizesse a peça perder a sua identidade e quem olhasse para ela logo saberia do que se tratava. Ando curtindo muito cultivar plantinhas em casa, então pensei em fazer vasos para as suculentas.

Fiz um passo a passo bem rapidinho no meu canal do youtube (se você não conhece, passa lá e já se inscreve para não perder nada). Tenho já alguns vídeos e gostaria de manter a regularidade de pelo menos um por semana. Não estou conseguindo...mas sempre tem coisa nova por lá.


Comprei essas suculentas numa feira aqui perto de casa e paguei R$ 4.00 em cada. Até pretendo voltar lá e acrescentar mais algumas no vaso maior. Essas plantas precisam de menos cuidados, já que a rega acontece uma vez por semana...ideal para quem ainda está começando, como eu.

Então, gostaram? Resgatar as coisas simples me encanta muito.



segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Burda Expo - Dicas e Comprinhas

Olá,

Este é o segundo post sobre a feira. Se você não viu o primeiro, clique aqui. Neste vou mostrar as comprinhas que fiz e algumas empresas bem legais que descobri.

A Designer tem uns manequins lindos. Eu que procurei tanto uma base legal para colocar o meu, logo me encantei pelo espaço dela. São bem decorativos, e os aramados são demais. Já quero!

Que eu gosto de bordado vocês já sabem, e estava ansiosa para conhecer a Andressa do Bordado Studio. Era a primeira feira dela, e conversamos um pouco. Comprei dois mini bastidores já com as correntes que logo vão virar colares lindos. Ah, quem quiser fazer aulas e conhecer os produtos, dá uma olhada no site.

Latinhas do Bordado Studio e a necessaire da Frida do Mosaico Sustentável.

Mosaico Sustentável foi outro grande achado da feira. Gostei muito dos produtos feitos a partir de banners que seriam descartados. As estampas são duráveis e não desbotam. Comprei uma necessaire da Frida Kahlo, mas confesso que gostei de várias, Amelie Poulain, Bonequinha de Luxo e tantas outras.


Patches estão na moda, não é mesmo? A Círculo lançou uma linha muito bacana, com peças modernas e delicadas, e fizeram o maior sucesso no stand da Lu Gastal. Eu que não sou boba garanti os meus. Logo mais vou customizar alguma peça e compartilho com vocês. Outra customização que movimentou nosso espaço, foi a de pulseiras. Muitas crafts fizeram as suas e a Lu me presenteou com uma para que eu mesma fizesse a "arte" em casa. Logo mais teremos um post sobre ela. Outro item bem útil para nós costureiras são os porta tesouras. Na feira eu usei para colocar meu crachá, mas aqui no ateliê vai servir para colocar a tesoura de arremate. Muito prático deixá-la sempre a mão. A Lu sempre criativa!

Pulseira para ser customizada e os patches mais fofos que vi por aí.
                  
Porta crachá que já foi para o meu ateliê e serve para deixar a tesourinha de arremate bem a mão.

Banco de Tecido eu já tinha ouvido falar, mas nunca visitei. A proposta é criar um lugar onde você pode comprar ou levar aqueles tecidos que não usa mais como moeda de troca na aquisição de outros. A compra é feita por quilo e atraiu muitas pessoas, o espaço delas ficou lotado na feira.

  
As meninas organizando o stand antes do início e depois com muita gente fazendo as compras.

Na Tudo Costura eu comprei os mini prendedores de tecido. Eles são melhores que os alfinetes quando se precisa prender muitas camadas de tecido. A indicação foi da Fran, minha professora de modelagem.

Acessórios são sempre úteis para quem costura.

Na Fashion Maq comprei dois tecidinhos lindos, não preciso de tecidos por enquanto mas não resisti. Além deles, achei uma tesourinha com ponta bem fininha, adoro para fazer os arremates. Sou daquelas que desmancha mesmo, então achei um desmanchador com cabo bem grande e mais confortável, será bem útil para mim. Desde que descobri as canetas que saem com o calor do ferro minha vida de costureira mudou. Tenho uma preta e outra azul, muito boas para tecidos claros. Faltava uma para tecidos escuros e achei uma laranja da Westpress. Testei e aprovei. Vale o investimento.























Ufa! Dois posts bem recheados de informações e dicas. Espero que gostem!