Moda Sustentável #fashionrevolution

Olá,

Estamos na semana do Fashion Revolution, evento que nasceu para conscientizar a indústria e consumidores sobre a produção/consumo excessivo de moda.

Calças, blusas, vestidos, saias, bolsas...não apenas de costura mas de tricô e crochê. Tenho feito de tudo, e amo cada dia mais poder usar algo feito por mim.

Nunca me considerei uma consumidora em potencial, mas tinha sim um guarda roupa com muitas peças. Quem trabalha fora e não usa uniformes sabe da dificuldade em se arrumar todos os dias. Eu sempre passava nas lojas, aproveitava promoções e comprava mais do que precisava.

Há sete anos passei a trabalhar em casa. Mudei radicalmente o meu consumo. Uso menos roupas de frio e calçados, já que passo a maior parte do tempo no homeoffice. E consequentemente compro menos também. Ainda tenho muitas roupas e sapatos daquela época.

O fato de trabalhar em casa e aprender a costurar foram fundamentais para mudar meu modo de enxergar essa indústria que a todo momento nos bombardeia com imagens de roupas, incentivando a compra desenfreada.



Você já parou para pensar em quem costura suas roupas? Quando uma peça é vendida por um preço mínimo e você compra, já pensou quem está por trás dela?

Devemos sim priorizar a compra de produtos duráveis, que poluem menos o meio ambiente e sejam mais sustentáveis. O nosso futuro depende disso. Vamos nos atentar a tudo que nos é oferecido, não apenas roupas, mas bijus, objetos de plástico, eletrônicos...e comprar o que realmente é fundamental.

Atualmente existem inúmeras formas de compartilhamento de guarda roupa, carros, e até de objetos que pouco usamos como ferramentas. Tenho tentado fazer minha parte separando o lixo, doando e reaproveitando roupas...mas ainda tenho muito que melhorar.




Comentários

Postagens mais visitadas