Receita Afetiva #2 - Moqueca Capixaba

Vamos dar continuidade as receitas afetivas?

Desta vez é uma moqueca capixaba, receita de família, que a querida Claudia Broetto compartilhou conosco. Ah, e tem explicação e tudo. Eu ainda não fiz, mas quero testar em breve.

Foto da própria Claudia, humm parece uma delícia.

RECEITA DE MOQUECA CAPIXABA DA FAMÍLIA BROETTO ROSSETTI

A moqueca capixaba e a panela de barro são patrimônios imateriais do Espírito Santo. É um prato de origem indígena e a diferença entre a moqueca capixaba e a baiana é que não se usa nem azeite de dendê nem leite de coco, resultando num prato mais leve.

Ingredientes:

1 kg de peixe em postas de 2 cm (badejo, robalo, budijão, peroá, cação ou qualquer outro firme e sem espinhas demais)

2 tomates bem maduros picados em cubos pequenos

1 cebola picada em cubos pequenos

1 dente de alho picado

1 colher de chá de colorau (pó de urucum)

1 xícara de cheiro verde picado (salsa, coentro e cebolinha em partes iguais)

4 colheres de sopa de azeite

Sal a gosto

Pimenta a gosto


Modo de fazer:

Aqueça a panela de barro por alguns minutos. Tempere o peixe com sal e gotas de limão. Refogue a cebola e o alho. Junte o colorau e misture bem. Junte metade do tomate, o sal, a pimenta e deixe ferver. Acomode as postas de peixe em cima dessa “caminha” de ingredientes. Coloque a outra metade do tomate e metade do cheiro verde por cima. Tampe bem a panela e deixe cozinhar por cerca de 10 minutos (em geral, não é necessário acrescentar água). Não mexa no peixe pois ele pode “desmanchar”. Quando estiver cozido (enfie um garfo e veja se as lascas de peixe estão se soltando), apague o fogo e junte a outra metade do cheiro verde. Sirva com arroz branco bem soltinho.

Ah, e se você tiver uma receita afetiva e quiser compartilhar conosco, me manda no e-mail artesanato@andreariserio.com. Vou adorar!

Comentários

Postagens mais visitadas